Webmail    |    Intranet

Centro de Fitossanidade




O Centro de Pesquisa de Fitossanidade do IAC desenvolve projetos de pesquisa a longo, médio e curto prazos. Promove treinamentos e transferências dos conhecimentos na forma de estágios, eventos e cursos. O Centro tem como atribuição principal o suporte aos Programas de Melhoramento Genético da Instituição, para seleção e obtenção de plantas mais resistentes a pragas e doenças. Essa atividade tem permitido o desenvolvimento e liberação, aos produtores, de cultivares com boas características agronômicas e resistência a esses agentes. Atualmente, atua em colaboração nas culturas de milho, batata, alface, quiabo, plantas aromáticas e medicinais, pupunha e outras. Desenvolve técnicas de obtenção de material de batata isento de patógenos, além de estudos com o objetivo de determinar meios de controle e manejo das principais doenças e pragas de culturas. Dentre esses estudos, destaca-se o teste bio-imuno-molecular para o levantamento e identificação de importantes vetores de doenças, como pulgões, tripes e moscas-brancas. O Centro de Pesquisa de Fitossanidade tem ainda a atribuição de analisar todos os materiais vegetais introduzidos, para fins de pesquisas, através de sua Estação Quarentenária, nas áreas de Entomologia, Fitopatologia, Nematologia e Virologia. Sendo uma das principais Estações em funcionamento no País e está realizando grandes investimentos em suas estruturas e gerenciamento, a fim de adequá-la às novas normas federais de introdução de material vegetal. Sua função primordial é detectar, identificar e conter pragas exóticas presentes em materiais vegetais, importados para pesquisas científicas. Os PqCs do Centro contribuem em disciplinas de Pós-graduação do IAC e de outras Instituições, oferecem estágios em vários níveis, realizam eventos técnico-científicos, além de pesquisas em parcerias com empresas privadas. Além disso, atuam em projetos voluntários, visando a divulgação dos conceitos básicos da ciência relacionados à saúde das plantas e estimulando a formação de futuros pesquisadores científicos, com consciência na importância da Defesa Sanitária Vegetal. Com os conhecimentos adquiridos ao longo das atividades nas áreas da Fitossanidade, os Pesquisadores têm contribuído no diagnóstico de pragas e doenças causadoras de prejuízos, principalmente aos pequenos produtores, da agricultura familiar e têm levado informações sobre o seu manejo, solucionando os problemas nas culturas.

Sede do Instituto Agronômico
Avenida Barão de Itapura, 1.481
Botafogo
Campinas (SP) Brasil
CEP 13020-902
Fone (19) 2137-0600